Autor: em 11/07/2017
Tags:
Categorias: Brasil

Nível de Confiança da Informação: Altíssima.
Clique no link “Ir Para Fonte Original…” para ser direcionado para a matéria.

GARANTIA POLITZ: INFORMAÇÃO CAPTADA E DEVIDAMENTE VERIFICADA PELO ALGORITMO EXCLUSIVO DO POLITZ.


Jair Bolsonaro acaba de assumir a liderança na corrida presidencial no Rio de Janeiro.

O estado fluminense é famoso por ser uma área de domínio cultural da esquerda, pelo visto, o carioca finalmente cansou da velha politicagem brasileira.

A pesquisa foi feita pela Orbe Pesquisa e Comunicação e teve uma amostra de 1400 pessoas.

Bolsonaro foi citado espontaneamente por 19,1% dos entrevistados, enquanto o ex-presidente comunista, criminoso e condenado Lula da Silva (PT) teve a preferência por 18,9%.

Ainda impressiona a capacidade do carioca de votar em Lula da Silva.

Marina Silva, a comunista fundadora do PT, atualmente no REDE, aparece em terceiro lugar, longe do topo, com 3,2% das pessoas.

A maior rejeição é do Lula da Silva, com 29,9% dos entrevistados que afirmam que não votariam no comunista de jeito nenhum. Depois, aparece Bolsonaro com 15,4% dos votos e em terceiro, Alckmin (PSDB), atual governador de São Paulo, com 11,6%.

Dos entrevistados, 30,5% disseram ainda não saber em quem vão votar; 21,3%, que não votarão em nenhum candidato.

Flávio Bolsonaro para o Senado aparece com 4,7% das citações espontâneas, enquanto Romário foi citado por 5% dos entrevistados.