Anjo sem asas da testa tatuada ataca de novo furtando funcionárias de posto de saúde

Aquele “anjinho sem asas” que teve a sua festa tatuada com a frase “sou ladrão e vacilão” foi novamente detido pela prática de crimes nesta quinta-feira (14).

Ele está sendo acusado de furtar um celular e um agasalho de funcionárias de uma unidade de saúde em Ferrazópolis, em São Bernardo do Campo.

O marginal obviamente será encaminhado para a audiência de custódia, tal como a lei manda.

O Boletim de Ocorrência foi registrado com a alcunha “ladrão e vacilão”. É bastante comum que policiais tratem criminosos pelo próprio apelido ou “nome de guerra”, então nada estranho disso, ao contrário do que a FPI quer demonstrar.

O rapaz aparentemente possuí um histórico de práticas criminosas, pois em 2018 ele fora acusado de furtar desodorantes de um supermercado em Mairiporã em São Paulo. Pagou R$ 1.000,00 de fiança e foi liberado, respondendo ao crime em liberdade.

Também é dependente químico e já foi internado por 16 meses.


Você gosta do nosso trabalho? Que tal contribuir conosco? Somos uma mídia independente que não recebe dinheiro de políticos.

Considere nos apoiar com qualquer valor clicando aqui.


Não esqueça de visitar o #FórumPOLITZ, a comunidade que mais cresce no Brasil!