A matéria da FPI informa que o projeto de Lasier Martins para alterar o regimento interno do Senado, alcançou a quantidade mínima de assinaturas para tramitar em regime de urgência. O autor do projeto diz o seguinte sobre o voto secreto:

“Trata-se, indiscutivelmente, de agressão contra o cidadão, que o impede de exercer o seu inalienável direito de fiscalização da atuação de seu representante”

Assim, a proposta começa a tramitar em regime de urgência e seja apreciada diretamente pelo Plenário da casa.

O requerimento já conta com 19 assinaturas, sendo 4 de líderes partidários que assinam em nome da bancada que representam, superando o número mínimo de 21 assinaturas.

A FPI espera que mais senadores procurem a equipe de Lasier e a lista irá crescer nas próximas horas.


Você gosta do nosso trabalho? Que tal contribuir conosco? Somos uma mídia independente que não recebe dinheiro de políticos.

Considere nos apoiar com qualquer valor clicando aqui.


Não esqueça de visitar o #FórumPOLITZ, a comunidade que mais cresce no Brasil!