Dois suspeitos do assassinato de vereadora carioca são presos no Rio de Janeiro

Um policial militar reformado e um ex-PM foram presos na madrugada de hoje no Rio de Janeiro por serem suspeitos de participação no assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista de seu carro, Anderson Gomes após um ano da ocorrência do crime.

O policial militar reformado Ronnie Lessa, de 48 anos e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz, 46, foram presos em uma ação da Polícia Civil em conjunto com o Ministério Público do Rio de Janeiro.

Para a Promotoria, Lessa é apontado como o autor dos disparos fatais e Queiroz, estava dirigindo o veículo usado no crime.

O MP denunciou ambos por duplo homicídio qualificado.

A reportagem não informa o envolvimento dos suspeitos com milícias do Rio de Janeiro.


Você gosta do nosso trabalho? Que tal contribuir conosco? Somos uma mídia independente que não recebe dinheiro de políticos.

Considere nos apoiar com qualquer valor clicando aqui.


Não esqueça de visitar o #FórumPOLITZ, a comunidade que mais cresce no Brasil!