Publicado em 24/03/19.

O POLITZ não tem o costume de trabalhar nos finais de semana (temos que descansar também), mas essa notícia não poderíamos deixar passar.

No trabalho de acabar com as falsas narrativas inventadas por setores da mainstream, especialmente por parte da esquerda, trouxemos a informação em primeira mão no Brasil.

O domingo está sendo encerrado com uma bela notícia, desmontando todas as narrativas criadas pela esquerda. Washington D.C. está pegando fogo.

O relatório especial de Robert Mueller foi entregue para o Congresso há poucas horas atrás.

O Conselho Especial que investigava o suposto conluio de Donald Trump e sua campanha, com a Rússia e sua suposta interferência nas eleições americanas finalmente chegou a uma conclusão.

Não fora encontrada evidências de que Donald Trump teria cometido qualquer crime ou muito menos, que sua campanha conspirou com a Rússia para interferir nas eleições americanas.

Apesar disso, os Democratas continuam insistindo que Donald Trump deve ser investigado. O Presidente americano sempre defendeu a sua inocência e nunca recuou quanto a esse caso, afirmando que tudo seria provado.

O Procurador Geral dos Estados Unidos, William Barr entregou um resumo do relatório de Mueller, informando:

“Não há evidências estabelecidas de que Donald Trump estava envolvido com crimes relacionados à interferência da Rússia nas eleições em 2016. Não há necessidade de indiciamento do Presidente americano, nenhum crime foi cometido”.

Algumas informações relevantes sobre o caso:

– Mais de 2800 intimações;

– Mais de 500 mandados de busca e apreensão;

– Pelo menos 19 advogados trabalharam no caso;

– Um time de 40 agentes do FBI, analistas de inteligência e contadores forenses e outros profissionais foram utilizados;

– Mais de 500 interrogatórios foram realizados.

A porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders acaba de declarar:

“Nenhum conluio e nenhuma obstrução. As conclusões são uma total e completa exoneração do Presidente Donald Trump”

Acabou a narrativa esquerdista, mais uma vez.


Você gosta do nosso trabalho? Que tal contribuir conosco? Somos uma mídia independente que não recebe dinheiro de políticos.

Considere nos apoiar com qualquer valor clicando aqui.


Não esqueça de visitar o #FórumPOLITZ, a comunidade que mais cresce no Brasil!